As novas aventuras e mudanças alimentares cá por casa + Bolo de iogurte de soja

O João já está finalmente em casa. Depois de 21 dias no hospital e muito medo e nervosismo, é bom finalmente tê-lo aqui.

O João foi diagnosticado com uma Colite Ulcerosa o que faz com que, pelo menos durante estes primeiros tempos, tenha que ter uma alimentação muito rígida: nada de fritos, nada de vegetais verdes, nada de lactose, nada de citrinos.

Uma alimentação um pouco complicada para quem tem 14 anos e adora todas aquelas coisas que nós sabemos que adorávamos com a idade dele. E ainda é mais complicado quando se faz anos e se quer comemorar.

Já que o João passou o dia de aniversário dele no hospital, no dia em que ele saiu pusemos logo as mãos ao trabalho e fizemos-lhe um miminho que ele tanto merecia: um bolinho que ele pudesse comer.

Bolo de iogurte de soja

Dificuldade: *

Ingredientes:

1 iogurte de soja natural
3 medidas de açúcar
3 medidas de farinha
1/2 de óleo
3 ovos
1 colher de chá de fermento em pó

Preparação:

Pre-aquece-se o forno a 180º.
Junta-se todos os ingredientes numa taça e bate-se todos até a massa ficar quase líquida.
Unta-se uma forma com manteiga de soja.
Leva-se ao forno até estar ao seu gosto.

Basicamente agarrámos num dos bolos mais simples de fazer e substituímos alguns alimentos pelos que ele pode comer. Em vez de iogurte normal, usámos iogurte de soja, e em vez de margarina, manteiga de soja.

E é assim que estamos a aprender a ter uma alimentação diferente aqui por casa. Posso-vos dizer que o primeiro dia em que fomos às compras parecíamos uns tontinhos a ver cada embalagem com todo o detalhe para ter a certeza que não comprávamos nada que contivesse lactose. Mas a verdade é que nos safámos bem e agora já sabemos exactamente onde as coisas estão e o que procurar.

Estamos sempre a descobrir coisas novas com esta aventura. Sabiam que existe queijo em barra sem lactose? Ou queijo fresco? Que os iogurtes de soja com baunilha ou frutos silvestres são uma maravilha? Infelizmente o João não gostou muito dos primeiros e os segundos não são muito recomendáveis para ele por causa das grainhas. Mas ele já descobriu que adora leite sem lactose e que os iogurtes sem lactose são exactamente iguais, em sabor, a uns normais.

Pode não ser um momento tão bom para a nossa família, mas a verdade é que tê-lo em casa e a melhorar é o melhor de tudo. Ele sabe que não pode comer certas coisas e é ele próprio muitas vezes a dizer “é melhor não” ao que não pode comer todos os dias. Mas ele também sabe que eu estou aqui para lhe fazer um bolinho ou qualquer miminho que ele queira (como bifinhos de frango com cogumelos e natas de soja) sempre que ele sinta que pode comer.

Agora é decidir o que fazer este Halloween. Será que há por aí receitas boas e saudáveis para experimentarmos cá por casa? Aposto que sim!

<3

PS: Há um outro monte de coisas que ele não pode comer além do que disse acima, mas são tantas que muitas vezes tenho que acabar a perguntar-lhe se ele pode comer isto ou aquilo, por isso se acharem que falta algum alimento proibido acima, é muito provável que falte.

PS2: Além do bolinho acima, este fim-de-semana pudemos experimentar outras coisas na festinha de aniversário dele, como: pudim de pão, torta com doce de marmelo e gelatina (que ele pode sempre comer em moderação).

PS3: As medidas da receita são o copo do iogurte.

By Tânia Sequinho

Tânia Sequinho é a autora por detrás do yoursecretgirl.com, o blog que criou para inspirar jovens mulheres a conseguirem a vida feliz, organizada e realizada com que sempre sonharam. Actualmente a Tânia vive com o namorado André e a sua gata Luna perto de Lisboa, e trabalha como Web e Mobile developer durante o dia e como blogger à noite. www.yoursecretgirl.com