Arquivo de etiquetas: Jamie Fox

Ray: O filme que conta a vida de Ray Charles

E começo os meus artigos aqui no nosso site a falar deste fantástico filme que me acompanhou neste final de tarde: Ray de Taylor Hackford, com Jamie Fox no papel principal.

Há muito que andava para ver este filme, já me tinham falado muito bem da interpretação de Jamie Fox (mesmo que não o tivessem feito, o Óscar que o senhor ganhou pela interpretação é só por si uma suspeita), mas nunca se está preparado para o que se vai ver. Mesmo não tendo tido a sorte de apanhar o filme desde início, a interpretação do actor e dos seus colegas, a fantástica banda sonora e a forma como a história é contada, deixaram-me totalmente presa à televisão durante a última hora. Não há palavras para a forma como esta história nos prende e para o fantástico trabalho que foi feito neste filme. Se gostam de Ray Charles, nem que seja apenas pela música Hit the road Jack, tenho a certeza que vão passar um bom bocado na companhia desta história.

O filme gira à volta da vida do grande cantor e pianista, Ray Charles, desde a sua infância até ao auge da sua carreira, passando pelos momentos mais infelizes em que teve que lidar com a sua obsessão pela heroína, até à sua luta por se livrar dela. A história é contada desde o momento em que o cantor deixa a sua casa em direcção a Seattle para começar a sua carreira profissional, mas conta com vários flashbacks a mostrar a sua infância com a sua mãe em Greenville e a forma como ela o ajudou a aprender a lidar com a cegueira.

Para quem não sabe, tal como eu não sabia, Ray não foi sempre cego. Tinha 7 anos quando a cegueira lhe tirou completamente a visão (a causa nunca foi comprovada). Essa parte da sua vida foi a parte que mais me sensibilizou neste filme. É realmente forte!

Outra parte do filme de que também gostei foi a altura em que nos são apresentadas as meninas The Raelettes, o coro que ficou imortalizado por fazer a voz de fundo da música Hit the road Jack. Com a entrada destas três meninas na acção, ficamos a saber também que Maggie, uma das meninas, foi amante durante vários anos de Ray, enquanto este era casado com Bea (Della Beatrice Howard), chegando mesmo a vir a ter um filho dele. Aqui entra a parte que mais gostei do filme: Quando Maggie se cansa da relação e decide deixar Ray. Este é o momento em que é apresentada a música e a história por trás dela. É sem dúvida mais uma cena que faz merecer a visualização deste filme!

O filme mostra como Ray Charles era uma pessoa bastante especial. Tinha o seu lado sensível, era incrivelmente mulherengo, tinha grande fraquezas, mas era bastante forte em relação ao que queria e a mostrar aos outros o seu valor. Durante a acção temos momentos em que o adoramos e outros em que sentimos mesmo pena pelas pessoas à volta dele. É claro que não sabemos se Ray era realmente assim, mas pelo menos é a forma como Taylor Hackford o interpretou.

E então? Consegui convencer-vos a verem o filme? Eu acho que sim!

 

Classificação: ***** (5 estrelas)